Wednesday, August 01, 2007

España

jnavarro Madrid 05

Arranquei de Portugal para espreitar o país vizinho, que visito desde miúdo, para tentar ver de forma diferente este país que tanto se critíca por cá.

Passei Vilar Formoso pelas 11h da manhã e fui almoçar a Salamanca. "Despues" rumo a Madrid, onde acabei por dormir no Hotel Anaco na Gran Via, onde os hoteis são mais acessíveis e onde as mulheres as esquinas fazem "cambios" a alguns, que gostam mesmo de meninas para fugir ao jejum.

Passei Castilha & Leon seguido das Astúrias e, oitocentos e tal quilómetros depois, já na província da "Galicia", fala-se português e está tudo bem.

Meia-dúzia de províncias e passamos do deserto às vistas da Suíça que conhecemos, mais não seja através daquele filme do cinema.

A siesta... não se ouvem as sirenes tocar mas o que é certo é que eles escondem-se todos de uma vez, da mesma forma sinistra como voltam a aparecer. Para um português que se distrai enquanto toma um maldito café, fraquinho como lá é habitual, e que se nada se disser em contrário vem com leite a acompanhar, de repente olha para a rua e questionar-se-á exclamando...- "Qu'é deles!?" É realmente um fenómeno.

.........................................................................
O fascínio por conhecer outros povos é algo que chega a ser viciante, contagiante... desde o teu vizinho ao povo do outro lado do mundo, o que é preciso é conhecer, estar lá e ver.